Quantidades – Parte 2

Olá gente,

Sei que este assunto de quantidade é muito polêmico e gera muitas dúvidas, por isso resolvi dar continuidade ao primeiro post (leia aqui).

Hoje vamos falar um pouquinho sobre número de convidados sentados.

A grande maioria dos nossos clientes, chegam com a ideia de que tem que haver mesas e cadeiras para todos os convidados. E isso não é recomendado, pelo menos para o estilo das festas que ocorrem aqui em Juiz de Fora.

Recomenda-se cadeiras para todos os convidados em recepções bem formais, com serviços de jantar à francesa!

                                    Foto: Love and Dreams
         Ou em mini receptivos, seja em casa ou em restaurantes, onde os lugares são marcados.

Foto: Style Me Pretty

Fora isso, é um grande desperdício e pode até atrapalhar o serviço da festa.

Desperdício porque você paga pelas móveis, além dos arranjos e complementos (sousplat, taça, guardanapo, porta guardanapo, toalha, cardápio) e corre um grande risco da mesa ser ocupada por bolsas, ou até ficar vazia. Além disso, vemos cada vez mais diferentes ambientes, a pista de dança está cada vez maior, a mesa de doces e bolo então nem se fala, e o número de estações gourmet e lounges também só aumenta.

 Foto: Carolina Souza Lima

Assim, temos menos espaços para mesas e cadeiras e colocar uma grande quantidade pode atrapalhar o serviço dos garçons e também a circulação dos convidados.

Tenho reparado isso em todas as festas que fazemos ou que sou convidada. Muitas pessoas podem até sentar no início ou no fim para descansar os pés, mas ficam grande parte do tempo em pé, conversando ou dançando.

Então, qual a quantidade ideal? Em média sugerimos 70% dos convidados sentados, mas isso vai depender do estilo do casamento. Se for mais formal e com jantar pode ser aumentado, se tiver muitos jovens e for bem informal, com serviço volante por exemplo, podemos diminuir e acrescentar lounges, o que torna a festa mais animada!

Bistrôs ou bailarinas, como são chamadas as mesinhas altas com banquetas, são uma ótima pedida para 15 anos e casamentos jovens.

Foto: Andreia Barbosa

Para evitar situações constrangedoras e tentar acomodar o máximo de pessoas que gostariam de sentar, é legal colocar mesas de diferentes tamanhos, desde 4 até as familiares de 12 pessoas. Isso evita que um casal ocupe uma mesa grande e ainda pode dar um charme na decoração! Eu adoroooo!

#ficaadica

:*

Renata Cruz

 

0 AMEI
avatar3 de maio de 2012 - 10:48 PM

Laurinha - Homens nunca sentam!!!!Se unem num clube do bolinha e se isolam!!! hahahaha

avatar4 de maio de 2012 - 2:43 AM

Renata Cruz - É isso aí Laurinha! Ainda mais quando o Betinho está junto…rsrs

avatar4 de maio de 2012 - 5:37 PM

Sol Avelar - Sabe que isto é um assunto complexo… Pq aqui em sp,sempre se sentam todas os convidados e não, eu nunca vi uma festa parada ou morna por causa disso. As pessoas sentam e levantam a hora que querem. Há lugares para todos e não há aquilo “corre pra pegar mesa”……….. E, agora, opinião bem opinião mesmo, acho horrível chegar a uma festa e não ter onde sentar, ou ter que ficar em pé, por pura falta de opção, ainda que no lounge junto com pessoas que nunca vi na vida …. acho deselegante (nesta hora eu volto a gostar do escort cards). Na minha, optei por colocar mesas para todos os convidados. Se haverão mesas vazias, ótimo sinal de que as pessoas estarão circulando e aproveitando a festa. Mas sempre que elas quererem se sentar não terá q ser no lounge ou pedir “posso pegar esta cadeira”. Se ela quiser ir para ele (lounge), é outra história. Mas isso depende de cada noiva, e de cada festa….rsrsrs
bjos

avatar4 de maio de 2012 - 8:16 PM

Renata Cruz - Ei Sol, realmente é chato não ter lugar pra todo mundo…Mas a questão de sentar é meio que cultural mesmo..e depende do estilo… Aqui em JF, dificilmente o pessoal fica sentado, principalmente os homens, como citou a Laurinha! Claro, isso acontece quando a festa é mais animada e tem mais conhecidos! 70% de lugares é um bom número, imaginando que vários convidados irão se unir em uma mesa só.. E ocorre tipo um revesamento, enquanto alguns estão conversando, outros estão sentados, outros no banheiro, outros dançando..Então ninguém se senta ao mesmo tempo…E volto a ressaltar que isso vai depender do estilo da festa e dos convidados. No Rio o pessoal trabalha com essa porcentagem também…Outro ponto, que também comentei no post, é a quantidade de ambientes que vem aumentando e os salões continuam do mesmo tamanho, pelo menos aqui em JF…Enfim, como você disse é complexo e cada um deve avaliar de acordo com a sua realidade…

Beijos Sol, obrigada pela participação!

avatar4 de maio de 2012 - 9:06 PM

Sol Avelar - Realmente Re, eu optei pelo conforto. Vai ter gente q vai falar nossa vc viu teve mesa vazia, mas problema deles, n to nem ai….rsrsrs

avatar4 de maio de 2012 - 11:08 PM

Ju M. - aproveitando o gancho da Sol, de pessoas q vao reclamar depois, isso eh uma coisa q nao se deve pensar qndo vamos preparar o casorio: no q os outros vao pensar. Olhem esse video q foi ao ar essa semana na Tv Globo… eu gostei mto… http://globotv.globo.com/rede-globo/bom-dia-brasil/v/psicologa-da-dicas-para-evitar-a-tensao-pre-nupcial/1927282/

avatar5 de maio de 2012 - 1:24 AM

Laurinha - É veroo!!! kkk

avatar10 de maio de 2012 - 3:02 PM

Aly - Sobre essa questão da quantidade de mesas, já estava meio convencida de que o ideal é mesmo menos mesas (e cadeiras) que convidados, pois a festa fica mais “movimentada”. Li isso em um monte de lugares.

Ocorre que fui num casamento recentemente assim e foi um horror. Depois da cerimônia, as pessoas correram para o salão para reservar mesas, inclusive pra outras pessoas que nem tinham chegado.

Várias pessoas (incluindo os 3 casais de padrinhos de noivo!), ficaram sem ter onde sentar, foi muito chato.

Os noivos, nesse momento, estavam em outro lugar, tirando fotos etc.

Na semana seguinte, fui a um outro casamento, em que tinha mesa pra todo mundo.

Foi MUITO mais tranquilo, sem constrangimentos e não afetou em NADA as mesas ficarem vazias depois, pq todo mundo estava na pista de dança e isso foi bem natural de se perceber.

Depois dessas duas experiências, me convenci definitivamente de ter lugar pra todos sentarem e fiquei aliviada de ter visto a diferença em dois casamento diferentes, pois já estava convencida a fazer o contrário e poderia ser um desastre!

avatar10 de maio de 2012 - 5:34 PM

Renata Cruz - Como escrevi, vai do perfil de cada festa! Se você pode e o salão comporta mesa para todos os convidados, por que não?
Eu por exemplo não vou colocar mesa para todos os convidados…devo fazer setorização, depois escrevo um post sobre isso, e muitooss lounges e bistrôs.
E mesmo colocando mesa pra todo mundo, não há garantia de que todas as pessoas terão lugares…Isso é bem polêmico!
Sugiro que faça o que te deixará mais tranquila!

Beijos
E obrigada pela participação!

Seu email não será publicado ou compartilhado. Preenchimento obrigatório *

*

*

Compartilhe: FacebookPinterestTwitter